Who knows? / Alguém sabe?

Alguém sabe explicar-me qual é o truque para se fazer uma bainha aberta sem que nos cantos sobre sempre pano???

Who knows the trick of doing drawn thread whithout having too much fabric at the corners???

Like this

Eu cá, faço batota ;) mas deve haver uma forma mais “limpa” de fazer isto…

I me myself  cheat ;) but I believe there is a cleaner way to do this…

Aqui e ali embebo um pouco de tecido…

Here and there I take in a little bit of fabric…

Qual é o truque que usam as minhas queridas leitoras???

Which trick do you use, dear readers???

16 thoughts on “Who knows? / Alguém sabe?

  1. Pingback: Bainhas abertas / Drawn threads (3) | agulhas da Méri®

  2. Cara amiga,
    eu só costuro o canto após ter feito o ponto ajour. Alinhavo bem e tem dado certo nos trabalho que faço. Outro truque é colocar um alinhavo transversal a barra que está sendo feita, a espaços de cerca de 20 a 30 cm, para que o ponto que se vai fazendo abrace os mesmos fios..entendeu????
    Um grande abraço de Maria Filomena

    • Obrigada, Maria Filomena.
      Eu faço o ponto ajpur ao mesmo tempo que prendo a bainha. Acho que percebi, com este trabalho maior do que costumo fazer, que o truque está em fazer um bom alinhavado à volta.
      Confesso que não percebi bem essa do alinhavo transversal… :)

  3. Cara amiga,
    eu só costuro o canto,n ap+oster feito o ponto ajour. Alinhavo bem e tem dado certo nos trabalho que faço. Outro truque é colocar um alinhavo transversal a barra que está sendo feita, para que o ponto q

  4. Pingback: Tutorial: Managing corners in drawn-thread work · Needlework News | CraftGossip.com

  5. Amiga,
    Para não se formar batotas, eu uso o ferro e passo os dois tecidos juntos, esticando o mais curto. Então alfineto e alinhavo. Torno a passar. Os tecidos se assentam uniformemente. Fica perfeito.
    Abraço
    Edith

  6. Dobra os cantos em triangulo e em seguida alinhavar a bainha tipo tapete de arraiolos.

  7. Esta é uma pergunta dificil!
    E do que percebi da conversa com o vincent julgo que é, mais ou menos o que eu me lembro das minhas tias fazerem. Primeiro alinhavavam todo o trabalho, tendo o cuidado de alinhavar também os cantos Depois começavam a bainha aberta do lado 1 e o canto 1, em seguida prosseguiam para o lado 2 e o canto 2 e por aí fora. Acho que se sobrava pano, era sempre acertado no respectivo canto. Como digo, acho! Já lá vão uns anos!

    • Pois é, Papgena! Mas o que estiver a mais não se pode empurrar todo para o canto se não o canto fica torcido o que com bainhas abertas não funciona…

  8. :) Vincent ! Yes you confirm I understood wright. I do the same but in a long work (it’s what I’m doing) I have to distribute a lot.
    So I think we both do the same way – I would hope some expert could share some trick with us ;)

  9. haha. my comment was so bad, I do not understand it myself. it is a bit difficult to explain technically.
    yes, I do not fold all the corners at the beginning. But I did already measured or marked the folds. Then I stitch/sew side 1 (for example) and then the corner 1. Then I continue side 2 and then corner 2.
    While sewing, I also stretch or distribute the bulk, if there are any. This way there will be no lump at the corners. what do you think?

  10. Também gostaria de saber! Vou pesquisar e se descobrir aviso.
    Beijinhos e boa continuação de dia.

  11. Hi meri.
    I do not know any trick. I fold the corners as I sew along (versus folding all the edges before starting the sewing. ) I work on one side first, as I sew along the corner does not crowd. if it unavoidable, I would slide in more fabric to flatten the “lump”. just my idea…

    • Vincent, as far I can understand you don’t do the four corners at the same time, you do as you reach each corner, is it?

Comments are closed.