Agulha não pica / Needle doesn’t pricks

Estas oficinas Agulha não pica  (também aqui) são uma verdadeira maravilha para os miúdos!

These kits from Agulha não pica (and here) are a real wonder for children!

A neta mais velha, quase 7 anos, fez tudo isto de uma só vez. Nos dias seguintes, com o tempo bom, houve muito trabalho no jardim e laranjal. Trabalhamos imenso e, depois do banho à tardinha, só queria jantar e dormir…

My eldest granddaughter, almost 7 years old, embroidered this at once. With Spring weather the following days run outside working in the garden and orangery. We worked hard and in the evening after bath she just wanted to have dinner and sleep…

A neta mais nova, 4 anos, no início foi ajudada pela mãe e fez questão de escolher as cores. Só depois de bordar é que quis pintar. É assim que se começa…
Parabéns Agulha não pica! As novas oficinas são liiiindas!

My youngest granddaughter, 4 years old, was helped at the beginning by her mother and insisted in choosing the colours. Only after embroidering she colored the design. It’s the embroidery initiation…
Congratulations, Agulha não pica! The new kits are beautiful!

Advertisements

8 thoughts on “Agulha não pica / Needle doesn’t pricks

  1. Parece que as bordadeiras pequenas têm a quem sair!!!! O mais divertido nisto tudo é ver como “cada qual” pega nos desenhos, escolhe as cores, os pontos… Eu nunca me lembraria de fazer um coração “a duas cores”… Nem de bordar um pintainho rosa e roxo… Ou uma patinha de cada cor… Mas o que é certo é que o coração parece de profissional e o pintainho está um doce. E ver estes trabalhos deixa-me tãoooooooooo feliz! Obrigada

    Like

  2. Pingback: Little ones can stitch · Needlework News @ CraftGossip

  3. Já dizia a minha avó: “é de pequenino que se torce o pepino!” e sem dúvida que ver duas netas tão pequenas com estes trabalhos é mesmo motivo de orgulho :-) ah, e sim, os taleigos-oficina da Gabriela são o máximo!

    Like

  4. Avó Méri, estou deliciada! Lembrei-me das tardes de “lavores” em que a minha mãe nos punha às 3 a bordar florinhas, passarinhos e corações! E como eu gostava de ouvir a agulha furar o pano bem esticadinho no bastidor!

    Só é pena essa aprendizagem ter ficado pelo caminho – hoje sou uma “nódoa”! (se bem que já na altura o “avesso” dos meus trabalhos deixava muito a desejar… e já dizia a minha avó: a perfeição de um bordado vê-se no avesso!)

    Beijinhos!
    Rita V.

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s