Tenho que comer muita broa / I have to eat a lot of bread*

Como conseguia a minha Mãe esta perfeição?
How could my Mother reach this perfection?

Continuo às voltas com os pontos e fios, mas não chego !
I go on around the stitches and threads, but can’t reach there!
Aquela “coisa” rosa pretendia ser um círculo! e os quadrados… enfim.
Tenho tanta, tanta pena de não ter tido oportunidade de aprender com a Mãe!
 
That pink “thing” aspired to be a circle! and the squares… never mind.
I am so so sorry for not having had the opportunity to learn with my Mother!
 
*Portuguese saying meaning to have to learn much, to work hard, to grow up…

3 thoughts on “Tenho que comer muita broa / I have to eat a lot of bread*

  1. My goodness! Your mother’s work is truly perfect!! I love the creative and original embroidery you do – it is in a class of its own! You do WONDERFUL things with embroidery that I’m sure your mother never dreamed of.

  2. Também penso que a Mãe nunca imaginou ter uma filha que fizesse o que tu fazes!!! A Nikki tem razão. Podes não ter a perfeição da Mãe a bordar, mas em imaginação vais muito mais longe! Dantes as coisas que se faziam e bordavam eram mais tradicionais, seguindo os “cânones” do que se usava, e não se fugia muito ao habitual. Embora a Mãe já usasse cores fortes e garridas, e fosse uma Senhora muitoa actual e inovadora para a época e para o seu meio.Lembras-te da foto de nós três (acho que tu não estás, eras muito pequenina) a andar de bicicleta com a Mãe, em frente ao Casino? Foi bastante comentado o facto da Mãe andar na rua de biciclete connosco. Isto define uma época e uma certa sociedade.BeijosMariamana

  3. Eu digo o mesmo da minha…aliás, da mãe e da avó!:-D

Comments are closed.