Drawn threads / Bainha aberta (4) – Parte II

Antes de mais quero mostrar a grande diferença de trabalhar o ponto ajour com linha de bordar e com linha para máquina de costura. É claro que se usarem uma linha de bordar ou de croché muito fina o efeito será o mesmo. Também me parece que, sendo a linha da cor do linho, fica mais bonito e mais leve.
First of all I want to show you the big difference between working hem-stitch with embroidery thread or sewing machine thread. Of course you can choose a very thin embroidery thread or even a thin crochet thread. It seems to me that being the thread and linen the same colour the result is much more beautiful and light.

O que acham?            What do you think?

Hoje vamos para a segunda parte do ponto ajour, o que eu chamo ajour em zig-zag. Tão simples como fazer ponto ajour de um dos lados, neste caso tem que se apanhar um número par de fios (4) para, ao fazer o outro lado se apanhar 2 fios de um grupo e dois do seguinte, para o tal ponto em zig-zag.
Today we’ll go for part II: Double hem-stitch(?) = Serpentine hem-stitch. You would need for this an even number of threads (4 this case); you can do the first row as before, and making the second row drawing half the threads of one cluster and half of next together.

Pode-se começar por apanhar dois fios, logo no primeiro lado mas ter em atenção que, no final do lado, temos que terminar também em dois.
Still you can begin doing first row drawing half the threads (2), paying atention at the end of the row – you must end with 2 threads as well.

e lá vamos nós!
here we go!

and it’s done the Serpentine hem-stitch / Double hem-stitch (?); no more words are needed!
e está feito o ajour em zig-zag; mais palavras para quê?

For this series I’ve made one side in Ladder stitch and other in Serpentine hem-stitch, with DMC cotten à border 25. The other two sides I’ve used sewing machine thread.
Para esta série fiz o ajour duplo e o ajour em zig-zag em dois dos lados, usando DMC cotton à border 25. Nos outros dois usei linha de coser à máquina no mesmo tom do linho.

Next we’ll pay attention to the corners. Almost always I do the corners with separate thread, just in case you have to undo and redo…
A seguir vamos fazer os cantos. Quase sempre faço os cantos com linha separada, para o caso de ter de fazer e desfazer…

Artigos anteriores desta série :
Escolher e preparar o linho 
Marcar cantos e tirar fios
Fazer os cantos
Ponto ajour (parte I)

Previous posts from this serie:
Choosing and preparing the linen
Marking the corners and pulling threads
Making mitered corners
Ajour stitch (part I)

Tenham uma boa semana!
Have a great week!

About these ads

7 thoughts on “Drawn threads / Bainha aberta (4) – Parte II

  1. Pingback: CraftCrave | Blog | Textual List: Thursday, 19 Jul 2012

  2. A minha preferência vai para a linha da mesma cor do linho,
    mas concordo que a cor vermelha é melhor para fazer a demonstração.
    Obrigada pela partilha de conhecimento.
    Teresa

  3. Pingback: At last: the corners! Finalmente os cantos! | agulhas da Méri®

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s